Sei que vocês amam cachoeiras e que 2020 não foi um ano muito propício para passear. Por isso, o São Paulo Interior (do Instagram @saopaulointerior) deixa aqui sugestão com 10 cachoeiras do interior para você curtir em 2021.

  1. Cachoeira Grande, Lagoinha (SP)

A Cachoeira Grande fica na cidade de Lagoinha, no Vale do Paraíba, a cerca de 2h30 de São Paulo. É uma queda grande e volumosa que forma uma bela piscina natural. Dependendo das condições climáticas, a piscina fica rasinha – o que é ótimo para crianças. Se for em uma semana em que teve muita chuva, o volume pode ser maior, o que requer cuidado. O local possui estrutura com restaurante, estacionamento e banheiros. Também há espaços que rendem lindas fotos, como o balanço que tem a cachoeira ao fundo. A entrada custa R$ 15.

2. Cachoeira da Pedreira, Lavrinhas (SP)

A Cachoeira da Pedreira é uma pequena queda que fica na cidade de Lavrinhas, a cerca de 3h de São Paulo, quase na divisa com o Rio de Janeiro. O grande chamariz do lugar é a piscina com água cristalina com tom esverdeado. O lugar passou por muitas transformações nos últimos anos. Agora eles contam com uma pequena estrutura de estacionamento e cobram o valor de R$ 10.

3. Cachoeira do Astor, Brotas (SP)

A cachoeira do Astor é sem dúvidas uma das quedas mais bonitas de Brotas e fica a cerca de 3 horas de São Paulo. O acesso é feito por uma trilha bem curta e de nível fácil. A entrada custa R$ 40. Não há espaço para refeições no local, mas existe um ponto de apoio.

4. Cachoeira da Pavuna, Botucatu (SP)

A cachoeira da Pavuna fica em Botucatu, a cerca de 2h40 de São Paulo. O acesso é feito pela Fazenda Pavuna, que cobra uma taxa de entrada de R$ 10. O local é muito procurado para quem gosta de trilha, já que a trilha é de nível moderado e tem percurso de cerca de 30 minutos. No caminho você verá mais de uma queda da Pavuna, mas com certeza terá uma favorita. A minha foi a queda de número 4!

5. Cachoeira Capão Rico, Águas de Santa Bárbara (SP)

A cachoeira Capão Rico vai estar de cara nova em 2021. Eles fizeram uma grande revitalização do local e a expectativa é grande para receber os turistas. Até esta data (27 de dezembro de 2020), o acesso está fechado. Mas estamos de olho nas redes sociais para acompanhar as novidades e como será o funcionamento.

6. Cachoeira Cassorova, Brotas (SP)

A cachoeira Cassorova já foi eleita uma das mais bonitas do Brasil. Ela fica dentro do Ecoparque Cassorova, portanto, para ter acesso a ela, é preciso comprar o ingresso do parque (clique aqui para valores). No valor do ingresso já está incluído todo o day use no parque, que inclui piscina e também uma outra cachoeira belíssima, que é a Cachoeira dos Quatis. O valor do post abaixo já está desatualizado, porque agora eles estão em alta temporada!

7. Cachoeira do Meu Deus

Uma cachoeira com esse nome não dá para esperar menos, né? Ela já foi considerada a mais linda do estado de SP e fica na cidade de Eldorado, a cerca de 4h da Capital. O acesso a ela é feito por uma trilha na região conhecida como Vale das Ostras. Existem várias agências e guias locais que te levam até essa trilha, onde também existem outras quedas.

8. Cachoeira Saltão, Itirapina (SP)

A Cachoeira Saltão em Itirapina é uma queda de cerca de 70 metros de altura. Tem que ter disposição para descer até ela e depois subir, mas o lugar conta com estrutura para turistas. O day-use, que também dá direito a conhecer outras duas cachoeiras, a Cachoeira Monjolinho e Cachoeira Ferradura, custa R$ 35.

9. Cachoeira de Santo Isidro, São José do Barreiro (SP)

A cachoeira de Santo Isidro fica no Parque Nacional da Serra da Bocaina, a cerca de 4h30 de São Paulo. A queda tem cerca de 70 metros e possui um poço para banho. A chegada é feita pelo topo da cachoeira, o que exige atenção na descida até o poço. Não há lanchonete no local e não é permitido o consumo no parque, portanto, fique atento. A entrada é gratuita.

10. Cachoeira dos Pretos, Joanópolis (SP)

A cachoeira dos Pretos, em Joanópolis é uma das maiores do Brasil e fica a cerca de 2h15 de São Paulo. O local possui estrutura completa para turistas, como lanchonete, banheiros e até atividades de aventura que podem ser contratadas por lá. O estacionamento é cobrado e custa R$ 10.