Campos do Jordão, a cidade da Serra da Mantiqueira mais conhecida por seus atrativos turísticos no estado, fechou o comércio e não receberá hóspedes a partir desta sexta-feira (20). A decisão foi tomada pelo prefeito Fred Guidoni e pelo Secretário Municipal de Saúde Márcio Stievano. A medida pode ser revista a qualquer tempo, mas a princípio vale até o dia 19 de Abril.

O Decreto de Situação de Emergência n° 8.106, de 19 de março de 2020, foi editado em consonância com as autoridades nacionais e estaduais de saúde e visa diminuir a circulação de pessoas na cidade, evitando desta maneira a propagação do vírus.

“Esta é uma medida que visa proteger a população e evitar a propagação da Covid-19, antecipando ações, na pré-temporada, para que a cidade possa voltar, em breve, a oferecer todas as suas atrações e belezas naturais, aos quase 5 milhões de visitantes que recebemos anualmente”, afirma o prefeito Fred Guidoni.

O prefeito afirma que a prioridade agora é salvar vidas e evitar o colapso do sistema de saúde.

“Temos que reagir agora, não cometendo os mesmos erros que outros países, para que possamos, depois, colher os frutos e salvar vidas. Estamos todos juntos, diante da maior crise de saúde que a nossa geração já viu. É com solidariedade, unindo esforços, como uma só comunidade, que vamos enfrentar e vencer, mais este desafio”, disse.

Confira o que muda: 

1- Comércio Determina a suspensão de atendimento ao público, em todo o comércio, com exceção dos estabelecimentos de serviços essenciais como farmácias, supermercados, açougues, quitandas, frutarias, lojas de conveniência, Mercado Municipal (a exceção dos boxes que funcionam como bares e restaurantes), distribuidoras de gás e água. Supermercados deverão ter horários especiais para idosos. Os comércios devem usar o sistema online e de entrega de produtos. Academia, igrejas e casas noturnas também tem determinação interrupção de atendimento público a partir de sábado.

2 – Bares, Restaurantes e similares Interrupção de atendimento ao público, a partir do dia 21. Os estabelecimentos podem e devem incentivar o comércio delivery, para pedidos de refeição e demais produtos.

3 – Turismo Determinação de que todas as reservas realizadas para o próximo mês em hotéis, pousadas e similares em Campos do Jordão, sejam remarcadas. A determinação é de suspensão do serviço de hospedagem a partir de segunda-feira (23).